Fizemos uma enquete no Twitter perguntando se vocês aceitariam participar de doações para comprarmos photoshoots e fotos exclusivas da Elizabeth Olsen para vocês e como tivemos uma boa porcentagem de pessoas votando “SIM”, estamos fazendo esse post para explicar como funcionará.

  • Não existe um valor específico para doar, cada fã que doa o quando quiser e puder, toda doação é bem-vinda.
  • A arrecadação de doações funcionará de duas maneiras, sendo elas: Paypal (para doações internacionais) e Pix (doações nacionais [Brasil]).

Para doar acesse:

paypal-logo-768x202.png

pix-106-768x273.png

 

E utilize o e-mail abaixo para realizar as doações:

brasilelizabetholsen@gmail.com (Paypal/Pix).

Obrigada pela sua doação!

• English version;

We took a poll on Twitter asking if you would like to participate in donations to buy Elizabeth Olsen photoshoots and exclusive photos for you and as we had a good percentage of people voting “YES”, we are making this post to explain how it will work.

There’s no specific amount to donate, each fan donate whenever they want and can, every donation is welcome. Collecting donations will work in one way: Paypal (for international donations).

To donate go to:

paypal-logo-768x202.png

And use the email in bellow to make your donation:

brasilelizabetholsen@gmail.com (Paypal).

Thank you for your donation!

“Doutor Estranho no Multiverso da Loucura”: um corajoso, e inovador, retorno de Sam Raimi à Marvel.

É perceptível que cada vez mais a Marvel está dando liberdade aos seus diretores e seus estilos únicos, como o caso de Chloé Zhao em “Eternos” ou James Gunn com “Guardiões da Galáxia”. Sam Raimi desta vez conseguiu juntar o que os fãs ansiosamente aguardavam para um filme padrão da Marvel, em cima de um gênero completamente novo.

Se você já conhece outros trabalhos de Raimi, você perceberá logo de cara que esse filme é dele.

O filme está longe de se distinguir da receita de bolo costumeiramente proposta pela Marvel, porém, o seu ritmo é muito didático, podendo ser até rápido demais para alguns espectadores. Aquilo que me surpreendeu, foi a forma como os roteiristas Michael Waldron (“Loki”) e Jade Halley Bartlett conseguiram criar uma narrativa, que depende de obras anteriores para acontecer, mas que ainda tem potencial para atrair um público não tão familiarizado com o MCU (Universo Cinematográfico Marvel)  para os cinemas.

Este quesito foi algo que me assustou desde o começo da divulgação do filme.

Como poderiam introduzir tantas histórias em algumas horas? Será que isso seria um empecilho para possíveis novos fãs do MCU?

Por mais que “Doutor Estranho no Multiverso da Loucura” seja um filme que apresente novos personagens, não é um filme que os desenvolve. O queridinho Doutor Estranho (Benedict Cumberbatch), manteve seu perfil sarcástico, solitário e pronto para salvar o dia a qualquer momento. No entanto, Cumberbatch pôde se desafiar com diferentes tipos de interpretações do mesmo personagem, dentro desta temática do multiverso.

E claro, temos a introdução de America Chavez (Xochitl Gomez) ao MCU, uma personagem super autêntica, como nos quadrinhos, e que deixou todos os fãs com um gostinho de quero mais.

Já a personagem, diretamente responsável por toda a trama do filme,  Feiticeira Escarlate (Elizabeth Olsen), rouba a cena como essa antagonista temida por todos. Por mais que seja um filme solo do Doutor Estranho, este foi essencial para a trajetória da personagem que acompanhamos desde “Era de Ultron”.

Sendo assim, é importante enfatizar a performance de Olsen, que soube muito bem mostrar uma versão de Wanda Maximoff que nunca foi vista pelos fãs do MCU. Uma Wanda mais confiante e no controle total de seus poderes.

Na série “WandaVision”, da Disney+, conhecemos esse lado determinado da personagem de fazer de tudo para conseguir o que tanto almeja, custe o que custar. Já adianto, se você é fã da personagem, assim como eu, se prepare para uma mistura de sentimentos.

A estética desse filme varia muito, principalmente por causa da temática do multiverso. Um filme que mescla cenários sombrios e escuros, para até uma realidade totalmente colorida e cheia de vida. E se vamos falar de visual, precisamos falar de áudio, que sem dúvidas nessa obra recebeu grande destaque. Danny Elfman apresentou uma trilha sonora sinfônica imersiva, principalmente nas cenas de batalhas.

Como na obra anterior de Doutor Estranho um dos pontos altos são os efeitos especiais, em um filme que navega no multiverso não seria diferente. Em realidades das mais diversas, o CGI (Computação Gráfica) foi excepcional. Porém, nas cenas de luta a qualidade foi perdida, parecendo muito mais uma luta de videogame do que de um filme blockbuster.

O filme está sendo considerado o primeiro filme de terror da Marvel, já que mostra bastantes cenas violentas com sangue, possessões e atividades sobrenaturais.

Tais características são do estilo de Raimi, e com uma possível brecha após a série animada “What if…” o diretor pode explorar este lado. Não sendo à toa a classificação indicativa do filme no Brasil ser para maiores de 14 anos, o que foge da maior parte dos filmes do estúdio.

Por mais que “Doutor Estranho no Multiverso da Loucura”  tenha alguns furos de roteiro e alguns erros escrachados de CGI, esse filme é uma experiência totalmente diferente por ser o primeiro filme de terror da Marvel e totalmente imersivo. É o tipo de filme que vale ter a experiência no cinema.

Review feita por: Luiza (estudante de cinema e membro da equipe do EOBR).

Na tarde de hoje, o website Fandango liberou o primeiro featurette (por trás das câmeras) juntamente com algumas novas cenas de ‘Doutor Estranho no Multiverso da Loucura’, confira abaixo o vídeo legendado pela nossa equipe:

DOCTOR STRANGE IN THE MULTIVERSE OF MADNESS EXCLUSIVE FEATURETTE
EOBR026.jpgEOBR030.jpgEOBR031.jpgEOBR034.jpg

Estamos cada vez mais próximo da estreia do tão esperado filme, ‘Doutor Estranho no Multiverso da Loucura’, com isso Sam Raimi, diretor do longa concedeu uma entrevista para o Erik Davis, jornalista do Fandango, sobre o filme e também falou sobre a Elizabeth Olsen, confira abaixo:

DIRETOR DE ‘DOUTOR ESTRANHO NO MULTIVERSO DA LOUCURA’ SAM RAIMI REVELA NOVOS DETALHES SOBRE SEU PRIMEIRO FILME MCU.

“Doutor Estranho nos quadrinhos sempre lidou com universos e dimensões que eram bastante assustadores, então tentamos trazer um pouco disso para este filme. É assustador em alguns momentos e assustador em outros”, acrescentou. “Não se sabe o que você encontrará no multiverso. É dentro desse desconhecido que existe suspense e escuridão. Uma ferramenta para excitar o medo do público.”

Se “Homem-Aranha: Sem Volta para Casa” foi o primeiro filme do MCU a trazer personagens do multiverso para o nosso universo, então “Doutor Estranho no Multiverso da Loucura” será o primeiro filme do MCU a enviar personagens do nosso universo para o multiverso. É uma sequência do sucesso de 2016 estrelado por Benedict Cumberbatch, mas também pode ser um dos maiores e mais importantes filmes que a Marvel Studios já lançou nos cinemas, principalmente, porque será o primeiro a realmente abrir a narrativa do multiverso na tela grande, enquanto oficialmente inaugura a próxima era dos filmes de quadrinhos. É como se toda a carreira de Sam Raimi estivesse se desenvolvendo até este momento e a chance de mais uma vez reformular a maneira como experimentamos os filmes de quadrinhos daqui para frente.

“Doutor Estranho no Multiverso da Loucura” começa aproximadamente alguns meses após os eventos de “Homem-Aranha: Sem Volta para Casa”, e colocará personagens familiares da Marvel como Doutor Estranho (Benedict Cumberbatch), Wanda Maximoff (Elizabeth Olsen) e Wong (Benedict Wong) contra seu maior inimigo até agora… Versões alteradas de si mesmos. Espere o que? À frente, Raimi provoca a abordagem complexa e multigênero do filme, bem como as muitas surpresas que aguardam os fãs. Além disso, o que esperar do novo personagem da Marvel no filme, America Chavez (interpretada por Xochitl Gomez), e bem, não poderíamos deixar de falar um pouco sobre o Homem-Aranha também. Confira abaixo as perguntas e respostas completas.

Fandango: Minha primeira pergunta vem com um conto. Algumas semanas atrás, sentei-me com Elizabeth Olsen e seu marido no Critics Choice Awards. Eu disse à Lizzie que falaria com você e fiz uma boa pergunta com a qual eu poderia iniciar nossa conversa. Ela disse: “Pergunte a ele o quão familiarizado ele estava com ‘a nova Marvel’ quando foi abordado para este filme”. A nova Marvel significa o Universo Cinematográfico da Marvel, desde o “Homem de Ferro”. Então, essa é minha primeira pergunta para você, por meio de Lizzie Olsen.

Sam Raimi: Bem, já que você tem que dar um conto, vou dar uma resposta em duas partes. Eu tinha visto “Homem de Ferro”, os primeiros “Vingadores”, “Pantera Negra” e “Doutor Estranho”, e pequenos clipes dos outros filmes. Eles fizeram 28 filmes. Eu realmente só vi quatro ou cinco, então, vou dizer que não é tão familiar. Essa é a primeira parte. Aliás, adorei o que vi, mas não tão familiar. Mas a segunda parte é que eu era um grande fã dos quadrinhos da Marvel dos anos 70 e 80 e nos anos 90. Então, eu estava super familiarizado com os personagens, suas histórias e suas interações. É nisso que os filmes da Marvel são baseados. Então, essa é a minha resposta.

Fandango: Falando em Lizzie Olsen, como você diria que Wanda evolui como personagem neste filme? Veremos uma Wanda mais poderosa? Veremos várias versões do personagem?

Sam Raimi: Sim. O filme é uma jornada no multiverso, então você vê diferentes iterações do Doutor Estranho de Benedict Cumberbatch, e até mesmo a personagem de Lizzie Olsen, Wanda Maximoff. Então, os atores têm que interpretar isso. É um grande desafio para eles e muito divertido dirigi-los tocando essas versões alteradas de si mesmos.

Fandango: Quem você diria que é mais poderoso neste filme, Doutor Estranho ou Wanda?

Sam Raimi: Uau. Essa é uma pergunta que venho fazendo às crianças no playground desde a terceira série. Quem é mais forte, esse personagem ou aquele personagem? Bem, eu acho que a magia de Wanda, do folclore da Marvel, é mais poderosa do que quase qualquer um dos outros personagens nesta foto, mas o Doutor Estranho tem o conhecimento das artes místicas que Wanda não tem, e ele tem a ajuda de Kamar-Taj. Se você os colocasse um contra o outro, diferentes versões alteradas de si mesmos… poderia haver um Doutor Estranho por aí que é mais poderoso que nossa Wanda, ou pode haver uma Wanda por aí que seja mais poderosa que nossa Wanda aqui. Então, por causa dessas versões alteradas, é tudo uma mistura de possibilidades.

Fandango: Benedict Cumberbatch disse que este filme rivalizará com “Homem-Aranha: Sem Volta para Casa”, em termos de todas as suas surpresas. O que você pode provocar os fãs quando se trata do número de surpresas ou participações especiais que estão neste filme?

Sam Raimi: Acho que eu diria que… “Homem-Aranha” abriu [a ideia de que] personagens do multiverso poderiam visitar nosso universo, mas esta é a primeira vez que personagens do nosso universo vão para o multiverso e experimentam outros universos. Então, vai ser uma continuação, mas isso, eu acho, é um dos maiores apelos. Encontrar outras realidades, e como elas rimam com a nossa, ou como elas são completamente opostas, ou variações delas. Acho que é aí que reside o interesse desta imagem.

Fandango: Um momento no trailer que deixou os fãs muito animados foi a aparição do que parecia ser o Xavier de Patrick Stewart neste conselho, talvez uma referência aos Illuminati da Marvel. O que você pode nos dizer sobre esse conselho e como eles são levados em consideração no filme?

Sam Raimi: Eu não posso prometer a você que Patrick Stewart está na foto. Isso é tudo o que a Marvel vai me deixar dizer.

Fandango: Acho que não posso fazer minha pergunta de acompanhamento, como foi trazer o personagem icônico de Stewart para o MCU pela primeira vez?

Sam Raimi: Ah, sim. Bem, eu tenho que trabalhar, pelo menos, com Benedict Cumberbatch. Eu pensei que ele era um personagem icônico agora depois de tantos filmes da Marvel. Lizzie também, eu diria. E Benedict Wong eu colocaria nesse status.

Fandango: Nós conhecemos América Chavez neste filme (interpretado por Xochitl Gomez), o que é emocionante. Parece que ela e o Doutor Estranho vão em uma aventura juntos. Como você descreveria o relacionamento deles neste filme, e o que um personagem como Chávez adiciona a essa história?

Sam Raimi: Bem, ela adiciona um espírito emocionante da juventude. Ela é uma recém-chegada aos seus poderes e ao nosso mundo. Ela realmente vem de outro universo. Acho que ela traz uma sensação de leveza e juventude. O Doutor Estranho de Benedict Cumberbatch pode ser um personagem muito egoísta e abafado, um sabe-tudo. Ela simplesmente voa em face disso. Ela realmente não tem respeito por ele originalmente. Ela vê através das frentes que ele coloca. Ela é muito mais pé no chão e uma de nós e ela não aceita a atitude dele. Acho que ele não gosta disso no começo. Então, ela cria um contraste.

Fandango: Kevin Feige brincou que os fãs de “Evil Dead II” ficarão muito felizes quando assistirem a este filme. O que ele quer dizer com isso? Por favor, diga-nos que alguém está recebendo um braço de motosserra neste filme, Sam!

Sam Raimi: [risos] Essa é a única coisa que posso dizer que não acontece! Acho que o que [Kevin] quis dizer, do meu ponto de vista, é que este filme tem um sabor de terror. Acho que quando o diretor original, Scott Derrickson, e Kevin promoveram a vinda de “Doutor Estranho no Multiverso da Loucura”, eles disseram que seria o primeiro filme de super-herói da Marvel que teria um elemento de terror. Espero não estar citando-os erroneamente. Mas mesmo depois que Scott deixou o filme devido a diferenças criativas, esse ainda era o mandato – fazer o primeiro filme da Marvel que tivesse um elemento de terror. Então, mantive-me fiel às suas declarações originais. Acho que é isso que Kevin quer dizer, porque é assustador em alguns momentos e assustador em outros. Não se sabe o que você encontrará no multiverso. É dentro desse desconhecido que existe suspense e escuridão. Uma ferramenta para excitar o medo do público. Além disso, Doutor Estranho nos quadrinhos sempre lidou com universos e dimensões que eram bastante assustadores, então tentamos trazer um pouco disso para este filme.

Fandango: Não posso fazer referência a “Evil Dead II” sem perguntar também se seu amigo Bruce Campbell aparece em algum lugar do multiverso…

Sam Raimi: Eu também não posso responder a essa pergunta. Não tenho permissão pra isso.

Fandango: Falando do lado mais sombrio deste filme, quem você consideraria o vilão de “Multiverso da Loucura? É Wanda? É Mordo (Chiwetel Ejiofor)? É o próprio Estranho? É o multiverso? É tudo isso acima?

Sam Raimi: Bem, há iterações de nossos personagens em todo o multiverso. Então, se eu fosse dizer Estranho… eu não deveria responder a essa pergunta, mas eu poderia estar dizendo Estranho alterado. O mesmo com Wanda e Mordo. Mas eu diria, em momentos diferentes, todos os itens acima.

Fandango: Sam, você fez ótimos filmes de terror. Você fez ótimos filmes de super-heróis. Houve algo que você fez neste filme que você sempre quis fazer em um filme de terror ou um filme de super-herói, mas você nunca teve a chance até agora?

Sam Raimi: Combinar elementos de ambos. Isso foi muito divertido.

Fandango: Já que podemos ver várias versões do Doutor Estranho neste filme, houve uma versão que foi sua favorita para brincar?

Sam Raimi: Não. Eu não tenho um favorito. Eu realmente gosto deles interagindo muito um com o outro. Eu acho que foi a coisa mais interessante – ver Benedict Cumberbatch trazer uma parte de sua personalidade que era um pouco única para criar um de seus eus alterados. Ou assistir Lizzie talvez trazer uma parte mais sombria de si mesma para criar uma versão alterada de si mesma. Os menores ajustes que eles poderiam fazer tornaram muito interessante para mim.

Fandango: Enquanto terminamos… você sabe, Tobey Maguire está de volta naquele traje do Homem-Aranha e fica bem nele. Quais são as chances de vermos vocês dois se juntando para mais filmes do Homem-Aranha… ou esse navio já partiu?

Sam Raimi: Eu percebi depois de fazer Doutor Estranho que tudo é possível, realmente qualquer coisa no universo Marvel, qualquer equipe. Eu amo o Tobey. Eu amo Kirsten Dunst. Acho que todas as coisas são possíveis. Eu realmente não tenho uma história ou um plano. Não sei se a Marvel estaria interessada nisso agora. Eu não sei o que eles pensam sobre isso. Eu realmente não persegui isso. Mas soa bonito. Mesmo que não fosse um filme do Homem-Aranha, eu adoraria trabalhar com Tobey novamente, em um papel diferente.

Fandango: Esta foi sua primeira experiência com o MCU. Se eles pedissem para você voltar e continuar jogando neste mundo por um tempo, é algo que você estaria interessado?

Sam Raimi: Com certeza. É como a melhor caixa de brinquedos do mundo para poder jogar na Marvel. Eu adoraria voltar e contar outra história, especialmente, com a ótima gestão que eles têm lá.

Fandango: Sam, muito obrigado por esta conversa. Eu sou um grande fã seu, pessoalmente. Como alguém que cresceu com seus filmes do Homem-Aranha, mal posso esperar para ver o que você traz para o MCU. Desejando-lhe a melhor sorte!

Sam Raimi: Obrigado. Muito obrigado. Eu realmente aprecio as palavras gentis, e obrigado por uma bela entrevista.00

Na tarde deste sábado, 02, foi divulgado através das mídias sociais da Marvel um novo comercial do filme ‘Doutor Estranho no Multiverso da Loucura’, nele podemos ver novas cenas da Feiticeira Escarlate, personagem estrelada por Elizabeth Olsen. Confira abaixo o vídeo juntamente com os screencaps do mesmo:

2022 – DOCTOR STRANGE IN THE MULTIVERSE OF MADNESS > TV SPOT
EOBR015.jpgEOBR125.jpgEOBR126.jpgEOBR161.jpg
Doutor Estranho no Multiverso da Loucura estreia no dia 5 de maio nos cinemas brasileiros.

Na manhã de hoje foi liberado a uma imagem promocional da Elizabeth Olsen como Feiticeira Escarlate no filme “Doutor Estranho no Multiverso da Loucura” para a revista EMPIRE e juntamente com ela, Olsen concedeu uma breve entrevista sobre o filme e muito mais. Confira:

2022 – DOCTOR STRANGE IN THE MULTIVERSE OF MADNESS > PRODUCTION STILLS
EOBR002.jpgEOBR002.jpgEOBR002.jpgEOBR002.jpg

A Feiticeira Escarlate é mais poderosa que o Doutor Estranho? Multiverse Of Madness pode ter respostas.

Se você quiser iniciar uma discussão em uma loja de quadrinhos, inicie uma discussão sobre quem é mais poderoso do que quem em uma luta de super-heróis. O Hulk é mais forte que o Coisa? Shang-Chi poderia derrotar o Capitão América? E o Homem-Formiga, poderia realmente ter rompido Thanos por dentro? Enquanto nos preparamos para o lançamento de “Doutor Estranho no Multiverso da Loucura”, há muitas discussões sobre quem é o usuário de magia mais forte do MCU – claro, o Doutor Estranho de Benedict Cumberbatch está a caminho de se tornar o Feiticeiro Supremo (como aprendemos em “Spider-Man: No Way Home”, Wong detém esse título por enquanto), mas Wanda Maximoff quase acabou sozinha com Thanos em Ultimato, e está prestes a se tornar ainda mais poderosa depois de abraçar sua Feiticeira Escarlate interior em WandaVision.

Com a feiticeira de Elizabeth Olsen prestes a desempenhar um papel importante em “Multiverso da Loucura”, veremos uma exibição cada vez maior de seus poderes – e pelo que parece, podemos obter respostas sobre se ela é realmente mais poderosa que Strange. “Não sei quem é mais poderoso do que Wanda”, diz Richie Palmer, produtor de “Multiverso da Loucura”. “Conhecer Wanda Maximoff no final de Ultimato teria sido muito para Strange. Quem sai por cima como o ser mais poderoso do universo? Talvez descubramos no final do filme.”

Como Palmer sugere, os caminhos de Strange e Maximoff mal se cruzaram no MCU até agora – exceto pela batalha em Ultimato, e ambos compareceram ao funeral de Tony Stark, mas para cada um deles, “Multiverso da Loucura” deve fornecer alguns desafios pessoais sérios – particularmente desde que Wanda ganhou posse do Darkhold nas cenas finais de WandaVision… “A loucura tem muitas definições diferentes”, diz Palmer. “É enlouquecedor para o Doutor Estranho ter que ver o amor de sua vida se casar com outra pessoa e é enlouquecedor para Wanda ter ouvido: ‘Há um livro, e há um capítulo sobre você nesse livro que você deveria ler, e segredos que você não conhece sobre si mesma’.” Para Olsen, o filme finalmente ofereceu a ela a chance de compartilhar cenas apropriadas com Cumberbatch pela primeira vez. “Eu realmente estava animada para dialogar com ele”, diz ela. “Gostei muito da nossa conversa constante, de análise e de tentar entender de onde vêm os dois personagens.” Que comece a batalha.

Leia mais sobre “Doutor Estranho no Multiverso da Loucura” na próxima edição da Empire – conversando com Benedict Cumberbatch, Elizabeth Olsen, Rachel McAdams, Benedict Wong, o diretor Sam Raimi, o escritor Michael Waldron, o produtor Richie Palmer e o chefe da Marvel, Kevin Feige, sobre um filme que quebra todas as regras da realidade. Encontre-o nas bancas a partir de quinta-feira, 17 de março, ou encomende uma cópia online aqui. “Doutor Estranho no Multiverso da Loucura” chega aos cinemas a partir de 6 de maio.

Tradução: Equipe EOBR | Fonte.

Nos cinemas do Brasil, Doutor Estranho no Multiverso da Loucura estreia no dia 5 de maio.

Hoje (13) durante o Super Bowl foi liberado o trailer oficial filme “Doutor Estranho no Multiverso da Loucura”, nele podemos ver novas cenas da Wanda Maximoff, personagem da Elizabeth Olsen, no filme. Confira abaixo o vídeo legendado e dublado:

022 – DOCTOR STRANGE IN THE MULTIVERSE OF MADNESS > OFFICIAL TRAILER
EOBR040.jpgEOBR051.jpgEOBR058.jpgEOBR049.jpg
A estreia do longa acontece em 05 de Maio em todos os cinemas brasileiros.

É fã da Elizabeth Olsen e deseja integrar a equipe do primeiro e mais completo fã-site dedicado à ela no Brasil? Então o seu momento é esse! Estamos abrindo vagas para algumas áreas que será extremamente necessárias para a divulgação dos novos projetos da atriz que serão lançados em 2022.

Ao se candidatar para uma vaga, você estará firmando o compromisso de que será ativo em sua respectiva função, será responsável e irá colaborar conosco! Lembramos que o trabalho que fazemos é de fãs para fãs, portanto, é 100% voluntário e não envolve nenhum tipo de remuneração.

Confira as funções disponíveis abaixo (você pode ocupar além de uma, basta ter responsabilidade e se comprometer):

• Social Media (Facebook): 
Quantidade de vagas: 2.
Função: Responsável por atualizar e postar notícias no Facebook com determinada rapidez.
Requisitos: Saber procurar informações; Nível intermediário em língua portuguesa e inglesa; Ter tempo livre; Saber baixar vídeos e fotos do Instagram e demais redes sociais (podemos ensinar caso você não saiba, mas tenha disposição para aprender).

 

• Legender: 
Quantidade de vagas: 2.
Função: Responsável por legendar e traduzir vídeos, e postar com uma determinada rapidez em nosso canal do YouTube/Vimeo.
Requisitos: Conhecimento em editor/software de video; Saber inglês (nível intermediário/avançado); Ter disponibilidade de tempo para a publicação dos vídeos.

 

• Gallery Manager:
Quantidade de vagas: 2.
Função: Responsável por atualizar a nossa galeria com fotos da Elizabeth em diferentes eventos, photoshoots e etc.
Requisitos: Ter tempo livre e saber onde procurar fotos em alta qualidade;
Você terá acesso à todas as fotos de eventos, photoshoots e mais; Conhecimento básico do Coppermine e FTP, para publicação das fotos (podemos ensinar caso você não saiba, mas tenha disposição para aprender).

Não existe prazo para as inscrições mas conforme as vagas forem sendo preenchidas iremos atualizando o nosso post. Então fique de olho! Ficou interessado(a) em uma ou mais funções? Responda as perguntas abaixo e nos envie na DM do nosso perfil do Twitter (AQUI).

Nome:
Idade:
Cidade/Estado:
Contato (Twitter/WhatsApp ou outra rede social):
Função (ou funções) que deseja ocupar:
Tempo livre (descreva sua rotina):
Conhecimento da língua inglesa (básico, médio ou fluente):
Tem conhecimento com editores de vídeo, ou software de legenda?
Tem experiência com Coppermine e FTP? Se não, estaria disposto(a) a aprender?
Já fez ou faz parte de algum fã site? Se sim, qual(is)?
Por que gostaria de fazer parte do EOBR e porque devemos confiar em você?

 

Na tarde de hoje (25), foi liberado uma entrevista do diretor Sam Raimi para a Variety sobre o filme “Doutor Estranho no Multiverso da Loucura” onde o mesmo deu detalhes sobre as refilmagens que aconteceram no ano passado e mais, confira abaixo a tradução realizada pela nossa equipe:

Em termos do próximo projeto de direção de Raimi, a sequência de “Doutor Estranho”, o cineasta não estava tão disposto a revelar detalhes. Ele compartilhou uma incerteza se o filme foi filmado, respondendo a relatos de que a sequência estrelada por Benedict Cumberbatch enfrentou “refilmagens significativas” em novembro.

“Eu gostaria de saber a resposta para essa pergunta”, disse Raimi, respondendo à pergunta sobre se o filme estava completo. “Acho que terminamos, mas acabamos de cortar tudo. Estamos apenas começando a testar a imagem e vamos descobrir se há alguma coisa que precisa ser captada. Se algo não estiver claro ou outra melhoria que eu puder fazer neste curto período de tempo, farei isso. Uma coisa que eu sei sobre a equipe da Marvel é que eles não vão parar. Eles continuarão pressionando até que esteja o mais próximo possível de ser ótimo.”
Raimi também enfatizou a experiência positiva que teve trabalhando com a Marvel Studios e seu chefe Kevin Feige.

“A Marvel tem sido uma ótima equipe para trabalhar”, continuou Raimi. “Acho que não foi uma surpresa surpreendente. Fui super-apoiado por todas as operações da Marvel, começando no topo com Kevin Feige e trabalhando até as equipes com as quais eles trabalham. [Eles são] super profissionais e me apoiaram a cada passo do caminho.”

Doutor Estranho no Multiverso da Loucura está programado para estrear no dia 5 de Maio 2022 nos cinemas do Brasil e no dia 6 de Maio nos demais.

É isso mesmo que você está lendo! Na tarde de hoje (22), foi liberado através das contas oficiais da Marvel o primeiro teaser trailer de Doutor Estranho no Multiverso da Loucura juntamente com a primeira sinopse, pôster e imagem promocional da Elizabeth Olsen como Feiticeira Escarlate, confira:

SINOPSE:

“Doutor Estranho no Multiverso da Loucura” é uma viagem emocionante pelo Multiverso com Doutor Estranho, seu amigo confidente Wong e Wanda Maximoff, também conhecida como Feiticeira Escarlate. Dirigida por Sam Raimi, a aventura alucinante se conecta aos eventos de “WandaVision” e “Homem-Aranha: Sem Volta Para Casa”.

 

2022 – DOCTOR STRANGE IN THE MULTIVERSE OF MADNESS > POSTER
EOBR001.jpgEOBR001.jpgEOBR001.jpgEOBR001.jpg
2022 – DOCTOR STRANGE IN THE MULTIVERSE OF MADNESS > PRODUCTION STILLS
EOBR001.jpgEOBR001.jpgEOBR001.jpgEOBR001.jpg
2022 – DOCTOR STRANGE IN THE MULTIVERSE OF MADNESS > OFFICIAL TEASER TRAILER
EOBR017.jpgEOBR024.jpgEOBR083.jpgEOBR090.jpg